Hospital Santa Virginia - Institucional - Notícias



Nossa Senhora Aparecida

No dia 12 de outubro, comemora-se a solenidade de Nossa Senhora Aparecida, a Padroeira do Brasil. 

No ano de 1717, pescadores da região do Vale do Paraíba, em São Paulo, foram convocados a conseguir muitos peixes para o banquete da comitiva do governador do Estado. Porém, Domingos Garcia, João Alves e Felipe Pedroso não estavam obtendo êxito na pesca no Rio Paraíba.

Após inúmeras tentativas, aconteceu algo surpreendente: ao puxar a rede, apareceu a imagem do corpo de Nossa Senhora da Conceição e, posteriormente, a cabeça da virgem. Logo depois, uma abundância de peixes encheu a rede dos pescadores, que ficaram admirados e espalharam a notícia no vilarejo de Guaratinguetá. Este foi o primeiro milagre atribuído a Nossa Senhora Aparecida.

O jovem Atanásio, filho de Felipe Pedroso, construiu uma capela para devoção à Santa, onde era rezado o terço e feitos os pedidos e agradecimentos. Daí em diante, houve inúmeros milagres de Maria, como o de uma menina cega que voltou a enxergar. Em 1745, foi inaugurada uma capela maior, que logo passou a receber inúmeras romarias. A história e devoção à Santa se espalhava rapidamente por todo o país.

Em 1888, o Bispo Dom Lino Rodrigues de Carvalho inaugurou a Matriz Basílica de Aparecida. A imagem da Virgem recebeu uma coroa de ouro e pedras preciosas doadas pela Princesa Isabel. Atendendo a inúmeros pedidos de devotos, o Papa Pio XI, em 16 de julho de 1930, assinou o decreto que proclamou Nossa Senhora Aparecida a Padroeira da Nação Brasileira.

Com o aumento da devoção, foi preciso construir um novo templo. Em 1955, iniciou-se a construção da Basílica Nova, considerada o maior Santuário Mariano do Mundo. Em 1984, foi oficializado, pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), como Santuário Nacional, que atualmente recebe cerca de 12 milhões de peregrinos por ano.

Fonte: Portal A12 e Canção Nova

Oração a Nossa Senhora Aparecida

Ó Senhora Aparecida, rainha e padroeira de nossa pátria, de cor morena, Mãe solidária que suscita a igualdade, cheia de amor e ternura para com todos nós, vossos filhos e filhas, estendei sobre o nosso Brasil o vosso olhar; e, como Mãe que sois, ajudai-nos a construir, nos alicerces da justiça e do amor, uma nação santa, capaz de vencer os sinais de morte que afligem nosso povo, e proclamar a vitória da vida mediante a partilha do pão e o respeito aos direitos humanos.

Defendei o Brasil e intercedei por nós a vosso Filho, para que sejamos livres de todos os males, da fome e da guerra, e nos conservemos fortes e fiéis em seguir e proclamar Jesus como nosso único Salvador, e a vós como nossa Mãe e Rainha.

Nossa Senhora Aparecida, rogai por nós! Amém!

“Quando quero falar com Deus – Orações para o dia a dia”, de José Carlos dos Santos (Frei Zeca)

 Imprensa  Centenário  Contato
Av. Celso Garcia, 2.294 - Belenzinho - SP
Hospital Santa Virgínia © 2018